Home Dicas para o BoxDicas de Gestão Gestão de Box CrossFit: erros comuns e boas práticas

Gestão de Box CrossFit: erros comuns e boas práticas

escrito por Luciara Tayane

Nitidamente na evolução fitness e de bem estar, a prática do CrossFit ganhou destaque e inúmeros adeptos.  A modalidade exponencialmente conquistou espaço, devido aos benefícios que traz na perda de peso e definição muscular.  Ao passo que a procura por locais onde exista a prática dessa modalidade só aumenta, o Box de CrossFit tornou-se uma grande oportunidade para investir em novos negócios.

Antes de mais nada vamos entender melhor o que um BOX: trata-se do local destinado a prática do CrossFit.  Ao contrário das academias convencionais que são lotadas de equipamentos, ele é mais vazio e com espaço amplo para o treino, usando o peso do corpo como “equipamento”. Agora já sabemos o que é um box e o quanto ele pode ser uma ótima oportunidade de negócio. Todavia alguns detalhes devem ser levados em consideração para alcançar o sucesso na hora de abrir o seu.  Como todo negócio alguns erros podem ser fatais e atrapalhar muito na hora da gestão.

Calma, não é tudo um mar de rosas sempre, mas alguns aspectos não podem passar despercebidos , para evitar que seu box ao invés de deslanchar, naufrague:

  • Falta de investimento na estrutura do box: de nada adianta o local se não houver investimento na estrutura para que seja eficaz e atenda necessidades dos praticantes. Afinal o investimento em infraestrutura traz mais segurança e qualidade aos praticantes ao mesmo tempo que funciona como um excelente método de propaganda. Um local estruturado e com equipamentos de qualidade é primordial  na conquista e fidelização dos alunos. Foque em oferecer o máximo de excelência estrutural, evitando que seu espaço tenha imagem negativa e deixe a desejar a seus clientes.
  • Não saber gerenciar suas finanças: Quando o assunto é finanças diversas empresas acabam errando na hora de gerir o dinheiro. Sobretudo a maior causa desse erro é relativo a não separação dos recursos pessoais e os da empresa. Uma situação muito comum no fechamento mensal é perceber que pode faltar verba e retirar da conta pessoal para suprir. Isso pode tornar-se um vício com base na esperança de que no próximo mês os lucros vão suprir essa retirada e o valor será devolvido a conta. Evite que isso seja um descontrole, separando  os recursos pessoais e empresariais,  diminuindo assim chances de ficar com os dois aspectos no vermelho.
  • Achar que o marketing não é necessário: Ouvimos muito que a propaganda é importante na divulgação de um negócio. Uma vez que sem o marketing e as estratégias dele , fica mais difícil  para uma empresa ser conhecida no mercado. Avalie seus custos e separe uma parte da sua verba para para ações de marketing. Não se engane pensando que sem investir em alguma forma para promover e divulgar seu box os clientes irão “cair do céu”. Todavia nada de fugir de seu orçamento para utilizar essa ferramenta, estude seus recursos, mas saiba que o retorno é altamente válido.
  • Estagnar seu box no tempo: A evolução é parte do nosso dia-a-dia e a inovação é cada vez mais veloz. Evidentemente isso é um aspecto que acaba sendo determinante para ascensão e conquista de uma boa fatia de mercado. Um grave erro para o box é parar no tempo e não acompanhar as mudanças e novidades que o universo do CrossFit traz. Afim de tornar seu box como referência para atuais e novos praticantes, inove constantemente.  Essa adequação ao novo serve também como diferencial em relação a seus concorrentes. Entenda que por ser um local para prática de uma modalidade tão dinâmica, o aperfeiçoamento com inovações deve estar nesse mesmo ritmo, então não deixe seu box parado no tempo.
  • Capital de giro sem controle: A atenção deve ser redobrada nesse aspecto, pois é primordial para uma gestão financeira de qualidade do seu box.  Saiba a quantia que é necessária para manter seu box com as contas em equilíbrio. Mantenha tudo registrado, levando em consideração todos os valores e as formas de pagamentos dos alunos. Acompanhe frequentemente o seu fluxo de capital. Dessa forma surge a possibilidade de ação, caso apareça algum problema, evitando  proporções drásticas ao andamento financeiro. Planejamento  é primordial para que seu box possa suprir mensalmente os custos e aos poucos comece a gerar lucros.
  • Não procurar ajuda: Pedir ajuda não é sinal de fraqueza, e no sucesso do seu box pode ser um fator determinante. Por isso não deixe de procurar que tem experiência quando perceber que é necessário. Agregar conhecimento e trocar experiências contribui muito para evitar equívocos de gestão e trazer melhorias a seu negócio.

Mostramos alguns erros da gestão do box, vamos destacar boas práticas que podem auxiliar:

  • Ações com planejamento: Pense em cada etapa do seu negócio cuidadosamente, fazendo um plano de negócios estruturado. Aproveite o cenário de crescimento do CrossFit, organize todas suas ideias, administrando melhor suas ações para oferecer qualidade nos serviços.  Certamente com tudo documentado os possíveis erros podem ser identificados e suprimidos. Tudo isso para melhorar a representatividade do seu box no mercado.
  • Profissionais  com certificação: A qualidade e confiança de um box está  ligada a oficialização da marca CrossFit, seja  aos praticantes ou a quem planeja montar um. Obrigatoriamente um local licenciado e afiliado, deve ter equipe composta por no mínimo profissionais de Certificação Level 1. Mas não pare por aí,  incentive que cada coach busque maiores certificações para melhorar a qualidade dos treinos aos praticantes.
  • Pensamento lá na frente: O fator previsão e olhar no futuro podem ser um diferencial para seu box no mercado. É ideal que seu espaço permita expansão, pois a tendência é que quando gerido e estruturado seu negócio cresça muito. O olhar no futuro garante pensar em soluções para seu box não perder tempo nem recursos com adaptações e mudanças.
  • Aja como autoridade: Eventualmente gerir o box com poucos alunos é mais simples, mas com crescimento essa realidade pode mudar. Tendo em vista essa realidade, recomenda-se softwares de gestão para automatizar e aliviar a rotina diária. Certamente  essa ferramenta automatizada para gestão, facilita a prática do convívio proativo e das conversas com os alunos do seu box. O resultado desse aproveitamento de: tempo, relacionamento e ferramentas é mais qualidade e autoridade nos serviços prestados.
  • Criar um cronograma satisfatório de aulas: Quando o box estuda público e horários que atendam suas necessidades, surge  um cronograma eficaz de aulas. Obviamente planejamento de custos e de público é a melhor estratégia para definir horários. Assim sendo uma  forma de  acabar suprindo as demandas diárias no seu box. Sobretudo a avaliação dos horários e ajustes em contato direto com alunos, gera maior satisfação e melhor distribuição das turmas.

Nossa finalidade aqui foi o esclarecimento de muitas informações importantes para quem tem ou quer ter um Box de CrossFit.  Explore esse mercado tão promissor e tenha um negócio de sucesso.

Gostou? Ajude a espalhar para outros amantes de Cross Fit 😉

Veja também:

Aplicativo para Box CrossFit ×

FAÇA GESTÃO PROFISSIONAL NO SEU BOX!

Sistema e Aplicativo para Box: produtividade e inovação em uma só ferramenta!

CLIQUE AQUI PARA CONHECER